Ultima atualização: 23 de abril de 2020

Como escolhemos

13Produtos analisados

17Horas investidas

2Estudos avaliados

85Comentários coletados

Muito bem-vindo ao Guia de Bem Estar. Hoje vamos falar sobre o cardigan, uma peça clássica e funcional que vai mantê-lo quentinho e bem-vestido em diferentes ocasiões do dia a dia, seja no trabalho, universidade ou nos momentos de lazer.

Você encontra modelos em diferentes tecidos, tonalidades e modelagens. O cardigan é versátil e pode ser usado como complemento a qualquer peça do seu guarda-roupas. Se você quer saber mais sobre essa vestimenta, continue a leitura.

Primeiro, o mais importante

  • O cardigan é uma peça de roupa democrática, há modelos para homens, mulheres, crianças e idosos.
  • Você encontra o cardigan alongado – também chamado de Maxi Cardigan – em diferentes comprimentos: Acima do joelho, na altura das panturrilhas ou dos tornozelos.
  • O cardigan pode ser confeccionado em algodão, cashmere, tricô, lã ou malhas sintéticas como viscose. A peça pode ser lisa, colorida, estampada ou bordada.

Os melhores modelos de cardigan: Os favoritos da redação

Gosta de fazer compras pela internet e deseja encontrar um cardigan para enfrentar as baixas temperaturas da meia-estação? Então confira as melhores sugestões de compra abaixo. Selecionamos modelos estilosos para homens e mulheres.

A melhor opção para homens estilosos

Este cardigan masculino da VCSTILO possui corte alongado, com caimento justo e barra em ângulo, ideal para quem está com o shape esbelto. A peça é confeccionada em malha de algodão, está disponível nas cores preta e cinza e em todos os tamanhos.

Um modelo versátil

O cardigan feminino da Stroke é o modelo ideal para quem procura uma peça versátil. Com corte tradicional na altura do quadril, modelagem justinha e na cor preta, a peça combina com mulheres de todos os estilos. A malha é 100% viscose, mas tem aspecto de tricô.

Um lindo modelo assimétrico

O cardigan feminino da Turez é ideal para quem quer adicionar um toque de ousadia à produção. Com modelagem assimétrica, essa peça está disponível na cor marrom e nos tamanhos P e PP.

Guia de Compra

Você está procurando uma peça de roupa versátil, que pode ser usada em diferentes momentos do dia ou a noite? Então você precisa investir em um cardigan, uma peça atemporal, usada por homens e mulheres em diferentes idades.

Você encontra diversos modelos de cardigan, dos modelos tradicionais aos modernos. Neste Guia de Compra vamos dar algumas dicas de como usar a peça queridinha do momento.

 Imagem de uma mulher usando um cardigan.

O cardigan é uma peça versátil, ideal para o dia a dia. (Fonte: Tamara Bellis/ Unsplash.com)

O que é um cardigan?

O cardigan – ou cardigã, as duas grafias estão corretas – é um estilo de casaco, confeccionado em malha ou tricô, com ou sem botões e sem gola, utilizado tanto por mulheres, quanto por homens, geralmente em dias de temperaturas amenas, principalmente na primavera e outono.

foco

Você sabia que o cardigan surgiu no século XIX, como parte do uniforme militar utilizado por oficiais do exército britânico? A peça homenageava James Thomas Brudenell, o sétimo conde de Cardigan – daí surgiu a inspiração para o nome da roupa.

No entanto, a peça adquiriu as características que tem hoje quando a estilista francesa Coco Chanel desenvolveu seu próprio modelo, em tecido mais leve, para oferecer conforto e praticidade, e removeu as golas.

A popularização do cardigan entre o público feminino aconteceu entre as décadas de 1920 e 1930.

Quais são as vantagens de usar um cardigan?

O cardigan é um casaco leve, que pode ser fresco ou quentinho, depende do tecido usado na confecção da peça – é fresquinho quando feito de algodão ou malha e quentinho se confeccionado em lã ou cashmere.

Os modelos quentinhos são ideais para dias de outono e inverno, pois esquentam sem acrescentar volume ao look. Além disso, o cardigan pode ser usado debaixo de casacos ou jaquetas. Ideal para acrescentar cor e textura em um look sóbrio.

A peça também pode substituir as pashminas ou estolas usadas com vestidos de festa em casamentos ou formaturas. E você pode acrescentar mais sofisticação ao cardigan acrescentando um broche.

Por ser leve e compacto, é fácil carregá-lo na bolsa. Você também pode amarrá-lo na cintura, ao redor dos ombros ou no pescoço. Quer conhecer mais vantagens do cardigan? Confira a tabela abaixo:

Vantagens
  • Você encontra modelos femininos, masculinos e infantis
  • Há opções em diferentes modelagens
  • Você pode escolher entre uma peça lisa, colorida ou estampada
  • É leve e compacto, perfeito para carregar na bolsa
  • Há opções em malha, algodão, tricô, lã e cashmere
Desvantagens
  • Em dias frios, a peça não é suficiente para esquentar o corpo

Como usar cardigan em combinações despojadas?

O cardigan é uma peça bastante versátil e simples de ser usada, tanto em looks formais (vamos dar algumas dicas na próxima seção) – quanto em combinações despojadas e estilosas.

O cardigan pode ser básico e passar despercebido em seu look ou ser a peça em destaque – nesse caso escolha um modelo com tecido, cor e textura chamativos.

Embora seja comum usar o cardigan com outra peça por baixo, nada impede de usá-lo como uma blusa. Você pode ousar no caimento, deixando um dos ombro à mostra, ou criar um decote, abrindo alguns botões.

Outra opção é usar um conjunto de regata e cardigan. Além das peças funcionarem bem juntas, também podem ser usadas separadamente, multiplicando as possibilidades de uso.

Outra opção para dar charme à sua produção com o cardigan é arrematar o look com um cinto, seja um modelo fino, liso e minimalista ou um cinto grosso com fivela grande e pegada Western.

Dica: Para deixar o look ainda mais moderno Você pode amarrar o cinto ao invés de afivelar. Independente da escolha, o cinto ajuda a realçar as curvas e desenhar a cintura.

Se você quer um look arrumadinho e descontraído, use um cardigan longo com um vestido curto e justo. Você pode usar esse look em ocasiões formais ou casuais. O ideal é que o cardigan atinja o comprimento do vestido, mas pode passar um pouco.

Outra opção é combinar o cardigan com short em diferentes comprimentos. Para um visual charmoso e arrumadinho, aposte em um short de tamanho convencional, com uma blusa básica e um cardigan colorido ou estampado.

Imagem de uma mulher usando um cardigan.

Combine o cardigan estampado com peças neutras. (Fonte: Tamara Bellis/ Unsplash.com)

Se você quer apostar em um look moderno, pode utilizar um cardigan longo com uma saia jeans, de malha ou couro. Coloque uma sandália de salto e você estará pronta.

Uma opção clássica, mas moderna e fashionista é combinar o cardigan com calça legging ou jeans. O ideal é que a calça seja justa, para contrapor o balanço do cardigan – principalmente o modelo alongado.

Como usar cardigan em looks formais?

Você também pode usar o cardigan em looks formais, para ir ao trabalho ou a algum evento. A peça orna bastante com camisa social feminina. E se a temperatura subir ao longo do dia, você pode colocá-lo sobre os ombros ou amarrá-lo na cintura.

O cardigan pode substituir o blazer.

O cardigan também combina com peças de alfaiataria e, em alguns casos, pode substituir o blazer feminino. Dica: Para montar looks de trabalho, dê preferência para o cardigan convencional, com comprimento na altura do quadril.

Como usar cardigan masculino?

Embora o cardigan seja associado ao guarda-roupa feminino, a peça também é usada pelos homens. O cardigan masculino é uma peça clássica, versátil e atemporal.

Quando usado aberto, funciona como um casaco com pegada casual e descontraída, ideal para dias com temperaturas amenas. Em dias quentes, você pode usá-lo drapeado sobre os ombros.

Quando fechado, pode ser usado em contextos formais, como ambiente de trabalho, reunião familiar ou encontro romântico. Em ambos os casos, o cardigan pode substituir o blazer masculino. Essa peça também funciona com camisa social e gravata.

Imagem de um casal abraçado.

Em alguns casos, o cardigan substitui o blazer. (Fonte: Rawpixel/ 123RF.com)

Em dias de inverno, você pode inserir camadas em sua produção. O cardigan pode ser usado embaixo de um blazer ou de uma jaqueta, ou por cima de um suéter.

Quais são os diferentes modelos de cardigan?

O cardigan curto tem modelagem tradicional e é ideal para compor looks formais. Sugestão: Cardigan Chanel, um modelo caracterizado por apresentar uma cor diferente da padrão nas mangas, gola e extremidades da peça (nas áreas dos botões e bolsos).

O Maxi Cardigan é um modelo alongado e em diferentes comprimentos – pode chegar à altura dos joelhos, panturrilhas ou canelas. A peça é aconchegante, confortável e com movimento. Por ser aberta, ajuda a alongar a silhueta e disfarçar quadris largos.

Você encontra modelos confeccionados em diferentes tecidos e modelagens, dependendo da escolha, você pode usar a peça em situações formais e eventos noturnos.

Vale a pena apostar em um maxi cardigan com tonalidade intensa ou estampa para compor looks modernos e despojados. Ainda está em dúvida sobre qual é o modelo ideal para você? Então confira a tabela abaixo:

Cardigan Maxi Cardigan
Comprimento Na altura do quadril Acima dos joelhos, na altura das panturrilhas ou dos tornozelos
Ideal para Looks formais Looks informais
Combine com Peças de alfaiataria Peças justas

Critérios de compra: como comparar os modelos de cardigan

O cardigan é uma peça muito versátil, tanto pela usabilidade, quanto pela variedade de modelos que você encontra nas lojas. São peças em diferentes texturas, tecidos, estampas e cores, o que pode deixar muitas mulheres em dúvida sobre qual modelo comprar.

Pensando nisso, preparamos algumas dicas sobre quais detalhes você deve analisar e comparar no momento da compra:

Vamos explicar cada um desses critérios, para que não restem dúvidas.

Comprimento da peça

Uma das características que diferencia os modelos de cardigan é o comprimento dessas peças. O modelo clássico termina na altura do quadril. Você também encontra um modelo um pouco menor – até a altura do umbigo – conhecido como cardigan cropped.

O modelo alongado, chamado de maxi cardigan ou cardigan alongado, é uma peça um pouco maior, que pode cobrir o bumbum, chegar à altura dos joelhos, panturrilhas ou joelhos. Peças com esse comprimento são ideais para combinações despojadas e fashionistas.

Imagem de uma mulher usando um cardigan alongado.

O cardigan alongado tem comprimento acima dos joelhos. (Fonte: Tamara Bellis/ Unsplash.com)

Tamanho e caimento

Você encontra modelos de cardigan em todos os tamanhos: PP, P, M, G, GG, EGG. Além do tamanho, é importante avaliar o caimento, pois não é porque o cardigan é uma peça confortável e com modelagem folgada, que a roupa deve ficar larga, com tecido sobrando.

O ideal é que as costuras dos ombros terminem em cimas deles. Se estiverem “caindo” em seus braços, significa que a peça está muito larga. Já a bainha deve cobrir a cintura, mas não os bolsos da calça (no caso do modelo tradicional).

O cardigan ajuda a disfarçar os braços gordinhos e alongar a silhueta quando usado aberto (ou quando tem gola em V). Essas características, fazem do cardigan uma das peças favoritas de homens e mulheres que vestem tamanhos grandes.

Érica MinchinConsultora de moda e estilo

" Quem estiver acima do peso deve considerar modelos que não sejam nem justos, nem largos demais. Já para quem quer parecer mais magro, vale a velha história de recorrer às cores escuras. Lembrando que não é necessário se restringir ao preto: grafite e azul marinho são boas substitutas, mas nada impede da cor ser menos neutra, como um verde escuro, por exemplo."

Tecido

Outra característica que muda entre os diferentes modelos de cardigan é o tecido de confecção da peça. Os modelos mais usados no cotidiano são confeccionados em malha canelada, viscolycra ou algodão.

Para os dias com temperaturas baixas, na primavera ou outono, aposte nos modelos de tricô. As peças de lã e cashmere são indicadas apenas para usar no inverno, pois esquentam bastante.

Imagem de uma mulher na praia.

Os modelos em tricô, lã ou cashmere são ideais para as temporadas mais frias. (Fonte: Tamara Bellis/ Unsplash.com)

Liso, colorido ou estampado

Você encontra modelos de cardigan lisos, coloridos ou estampados. Os modelos lisos podem ser em cores neutras e sóbrias como preto, nude, cinza e azul marinho. Mas há opções em cores vibrantes. O segredo é criar um equilíbrio entre o cardigan e as demais peças.

Por exemplo, se você está vestida com peças em cores neutras, pode apostar em um cardigan em cor vibrante. Se o seu look é composto por peças coloridas ou mix de estampas, equilibre com um cardigan liso e escuro.

A cor do cardigan pode valorizar o seu tom de pele.

Usar um cardigã colorido tira qualquer look da mesmice, ainda mais se a cor escolhida valorizar o seu tom de pele. Dica: Faça uma análise da coloração pessoal para ser mais assertiva na hora de escolher peças com tons que valorizem sua beleza.

Você também encontra o cardigan estampado: Florido, listrado, com poá, animal print ou padrão étnico. Um modelo estampado adiciona um toque de estilo nas produções básicas do dia a dia, principalmente naqueles dias em que você está sem criatividade.

Dica: De preferência para os modelos estampados com fundo escuro e desenhos discretos, dessa forma você poderá realizar muitas combinações com o cardigan.

(Fonte da imagem destacada: Meg B./ Unsplash.com)

Por que você pode confiar em mim?

Apaixonada por ler e escrever, empenha-se em produzir conteúdo relevante sobre áreas pelas quais tem muito interesse, como tecnologia, qualidade de vida, beleza e lazer.