Imagem de uma mãe sentada amamentando seu bebê
Ultima atualização: 21 de maio de 2021

Amamentar é o sonho de muitas mulheres, mas também o pior pesadelo nos primeiros dias. Há inúmeros relatos de dor e dificuldade em viver essa fase logo no início da vida do bebê. Você está se preparando para essa etapa ou está buscando meios de suavizar a dor do início? Fica conosco para aprender como amamentar corretamente.

Nesse artigo você vai aprender tudo sobre a pega correta do bebê e outros pontos importantes para amamentar com mais tranquilidade!




Primeiro, o mais importante

  • Não existe uma única forma correta de amamentar. O que existe é a pega correta do bebê e nós vamos ensiná-la nesse guia.
  • Você pode amamentar sentada ou deitada, o importante é que você se sinta confortável e segura.
  • Para que a amamentação flua de forma tranquila, esse deve ser um momento seu, do bebê e com apoio do marido. Evite amamentar no meio de muitas pessoas nessa fase inicial.

Aprenda tudo sobre como amamentar corretamente

É muito comum a gestante focar em preparar o enxoval, deixar tudo prontinho para a chegada do bebê. É claro que escolher o berço é uma delícia, mas o que muitas mulheres não sabem é que esse preparo vai muito além dessas escolhas sobre o espaço e roupinhas do bebê.

A busca por informação é o melhor preparo que uma grávida pode fazer, especialmente em relação ao parto, puerpério e amamentação. Hoje queremos conversar com você sobre como amamentar seu bebê!

Imagem mostra close de bebê mamando

A amamentação costuma ser um dos maiores desafios nos primeiros dias de vida do bebê. (Fonte: Luiza Braun/ Unsplash.com)

Recomendações de itens para ajudar na amamentação

Existem objetos que ajudam a mulher na fase da amamentação, elaborados especialmente para reduzir os empecilhos que podem surgir. Confira algumas opções:

Benefícios da amamentação

Você já deve ter ouvido falar dos inúmeros benefícios que a amamentação traz para o bebê, afinal, o leite materno é o melhor alimento do mundo. É através da amamentação que o bebê tem maior contato com a mãe, menos chances de desenvolver alergias e redução das temidas cólicas.

Mas você sabia que amamentar também traz diversos benefícios para as mães? Amamentar reduz o sangramento no pós-parto, ajuda na perda de peso e reduz os riscos de desenvolver câncer de mama, endométrio e ovário.

Confira os benefícios para o bebê e para as mamães:

Benefícios para o bebê Benefícios para a mãe
Reduz cólicas por melhorar a digestão Reduz sangramento pós-parto
Diminui a incidência de alergias Diminui a incidência de câncer de mama, endométrio e ovário
Fortalece a arcada dentária Evitar osteoporose
Fortalece o sistema imunológico e desenvolve o sistema nervoso Protege contra doenças do coração, reduzindo chances de ter infarto
Aumenta vínculo com a mãe Diminui a ansiedade e aumenta a autoestima

Pilares para amamentar corretamente

Não há uma única fórmula para a mãe amamentar corretamente seu bebê. O que existe é a pega correta que o recém nascido precisa fazer. Além disso, ter conhecimento sobre o tempo de mamada e possíveis posições também facilita o processo.

Como deve ser a pega correta?

A pega correta é fundamental para o bebê e para a mãe. Ela é a chave principal da amamentação, especialmente nos primeiros dias. Com o bebê sugando corretamente, a produção do leite aumenta, a mastite - inflamação das glândulas mamárias - é evitada e os peitos da mãe sofrem menos com as rachaduras.

Para o recém nascido, pode ser mais difícil nos primeiros dias, mas com paciência e informação de qualidade ele vai aprendendo e a amamentação vai fluindo.

  1. Se a mama estiver muito cheia, ordenhe um pouco com a mão antes de oferecer o peito ao bebê;
  2. Deite ele no seu colo, priorizando a posição de barriga com barriga;
  3. Aproxime o bebê do seio e deixe ele procurar o mamilo;
  4. Quando ele abocanhar, precisa sugar boa parte da aréola e não somente o mamilo;
  5. A boquinha do bebê precisa fazer o formato de “peixinho”. Ou seja, lábios voltados para fora;
  6. Nariz fica livre para respirar sem a mãe precisar apertar e o queixo encostado no seio da mãe;
  7. A bochecha enche quando ele suga o leite.

Autor desconhecido-
"Ser mulher é ter no útero o dom da vida e no peito o milagre da amamentação."

Quanto tempo o bebê deve mamar?

A recomendação da Organização Mundial da Saúde é permitir que o bebê mame em livre demanda. Ou seja, que não se controle o tempo. É o bebê quem sabe quanto tempo e quantas vezes precisa mamar, sem a mãe contar de 3 em 3 horas.

Um recém nascido mama cerca de 40 minutos a cada mamada, porém, esse tempo pode variar para menos ou mais.

De qualquer forma, na fase inicial a alta necessidade de sucção do bebê pode provocar machucados no seio da mãe. Por esse motivo, revezar entre as duas mamas pode reduzir os machucados nos primeiros dias.

Na primeira semana do bebê deixe ele mamar por 5 minutos e depois troque o peito. Faça esse revezamento até que ele fique satisfeito. Depois vá aumentando esse tempo de revezamento aos poucos, até que as mamas não estejam mais machucadas e o bebê possa esvaziar uma mama inteira antes de pegar a outra.

Se as dores forem muito intensas, a mãe pode tentar oferecer o leite materno ordenhado em uma mamadeira para recém nascido, intercalando com as mamadas para evitar machucar os seios ainda mais.

Qual a melhor posição para amamentar?

Não existe a melhor posição para amamentar. Embora a grande maioria das mães prefira a tradicional posição sentada em uma confortável poltrona de amamentação, existem mulheres que se adaptam com a posição deitada.

Por conta das dores nos pontos (em caso de cesárea) e o cansaço físico, amamentar deitada pode ajudar a mãe a repousar no começo. Já a posição sentada, com o bebê nos braços e a barriguinha dele encostada na da mãe, favorece a pega correta, mas cabe a mulher encontrar o jeito mais confortável para ela e seu bebê.

Mãe deitada amamentando bebê na cama.

Algumas mães se adaptam melhor com a posição deitada. (Fonte: Tatyana Tomsickova/ 123rf.com)

Resumo

Amamentar é um dos momentos mais aguardados na maternidade. A pega correto desde o começo facilita o processo e reduz a dores, aumentando as chances de ter sucesso na amamentação.

Esperamos que esse artigo tenha te ajudado a encarar a amamentação com mais leveza. Boa lua de leite para você e seu bebê.

(Fonte da imagem destacada: Dave Clubb/ Unsplash.com)

Por que você pode confiar em mim?

Resenhas