Mulher deitada de bruços sendo massageada.
Ultima atualização: 8 de julho de 2021

Como escolhemos

17Produtos analisados

14Horas investidas

4Estudos avaliados

65Comentários coletados

Quem não gosta de um bom momento relaxante? A massagem é uma terapia que promove esse bem-estar através da aplicação de formação que estimula a corrente sanguínea, aliviando dores e tensões. E você sabia que o creme de massagem é parte fundamental para melhores resultados?

É sobre ele que vamos falar no guia de hoje. Fique conosco até o fim para conhecer seus benefícios e saber escolher o creme de massagem certo.




O mais importante

  • O creme de massagem não serve apenas para deslizar as mãos. Sua fórmula potencializa os resultados desejados. Por esse motivo, é preciso escolher o creme certo de acordo com o objetivo com a massoterapia.
  • Diferente do óleo que costuma ser usado para relaxar, o creme de massagem tem fórmulas para técnicas mais estéticas e específicas, como redução de medidas.
  • Conhecer os principais ativos ajuda a escolher o creme certo de acordo com a necessidade.

Creme de massagem: nossa recomendação dos melhores produtos

Fomos atrás dos melhores cremes de massagem. Reunimos aqui diferentes tipos para você escolher de acordo com sua necessidade:

Guia de compra: tudo o que você precisa saber sobre creme de massagem

Seja para relaxar ou mesmo para fins estéticos, o creme de massagem é fundamental nesse processo. É através da sua fórmula e princípios ativos que os resultados se potencializam. Quer aprender mais sobre esse produto? Venha tirar suas dúvidas nesse guia completo.

Mulher deitada de bruços recebendo massagem

O creme de massagem potencializa o resultado da massoterapia. (Fonte: Elina Fairytale / Pexels.com)

Quais os diferentes tipos de creme de massagem?

O creme de massagem pode ser categorizado de acordo com o objetivo da técnica. Existem, por exemplo, cremes para relaxar, outros para atuar na redução de medidas ou ainda promover esfoliação corporal.

O que difere esses cremes é a formulação. Ou seja, cada um deles possui princípios ativos que vão agir de acordo com o objetivo. Confira a indicação de cada creme de massagem:

Creme relaxante Creme modelador / redutor Creme esfoliante
Objetivo Promover relaxamento, alívio de tensão e dores corporais Acelera metabolismo celular devido a elevação da temperatura. Quando é redutor de medidas, age nas camadas mais profundas da pele Remove células mortas, renovando a pele e deixando-a mais saudável
Exemplos de princípios ativos Capim-limão, lavanda, mentol e aloe-vera Pimenta negra, cafeína, arnica, gengibre, mentol e castanha-da-índia Café, argila, jojoba, murumuru e semente de uva

Quais os benefícios de usar um creme de massagem para a técnica?

O creme de massagem faz toda diferença para melhor eficácia da técnica terapêutica. A massagem, também chamada de massoterapia, tem objetivos específicos, como vimos acima, e é o creme certo que leva boa parte do mérito.

De nada adianta usar um hidratante qualquer para quem quer reduzir as medidas. Os ativos do creme de massagem vão atuar na pele, promovendo os benefícios desejados. Essa é a maior vantagem de investir no creme ideal.

Do ponto de vista técnico para reduzir medidas, por exemplo, é o creme de massagem que vai ativar a circulação sanguínea e linfática, graças ao seu efeito vasodilatador, assim, esse cosmético reduz o inchaço. Ainda, por ser antifibrótico, ele atua na redução da celulite.

Os benefícios não acabam por aí. O creme ainda pode ajudar a quebrar a molécula de gordura, reduzindo medidas. Algo que não será conquistado sem o uso do produto certo.

Em resumo, cada tipo de creme tem um benefício específico, que jamais será alcançado com um hidratante comum.

Mão masculina massageando mulher de bruços

Especialmente na área estética, o creme de massagem possui benefícios bem específicos. (Fonte: cottonbro / Pexels.com)

Creme de massagem ou óleo corporal?

O creme de massagem e o óleo corporal são produtos distintos. Embora ambos possam ser usados na massagem, eles oferecem resultados diferentes. A maior similaridade entre os produtos é que ambos ajudam a deslizar as mãos pelo corpo. Mesmo assim, promovem sensações diferentes, sendo o óleo mais pegajoso e de difícil remoção.

Em termos de eficiência, basicamente, o óleo de massagem é mais usado para fins de relaxamento. Já o creme costuma ter objetivos estéticos, como vimos ao longo desse guia.

Esses cremes têm princípios ativos que atuam nas camadas da pele trazendo resultados mais profundos. Indicado para tratamento de dor, redução de medidas ou drenagem.

Agora, quem deseja hidratar e relaxar, pode apostar no óleo sem medo. Por ser vegetal, ele evita a perda de água corporal e hidrata a pele. Sua grande vantagem é que a composição é totalmente natural.

Posso passar o creme de massagem sozinha?

Embora os resultados sejam melhores com um profissional especializado, através de técnicas específicas com os movimentos da mão que - em conjunto com os cremes - ativam a circulação sanguínea e trabalham no objetivo desejado, é possível passar o creme por conta própria.

Alguns pontos são mais difíceis que outros, mas é possível massagear as coxas, o abdômen e o bumbum, por exemplo. Cada parte do corpo exige movimentos específicos. Confira algumas dicas:

  1. Abdômen - passe o creme nas laterais do abdômen de fora para dentro, chegando ao encontro do umbigo e descendo em direção às virilhas;
  2. Coxa - em movimentos circulares, passe o creme do joelho à virilha, sempre da parte externa para o interior da coxa;
  3. Bumbum - faça movimentos de baixo para cima, ou seja, da papada até o topo, finalizando nas virilhas.

Repita os movimentos até a pele aderir nem ao creme e você sentir o toque seco.

Critérios de compra: O que levar em conta ao comparar diferentes tipos de creme de massagem

Já que a importância do creme de massagem ficou clara, vamos conversar agora sobre os critérios que você deve considerar na hora de escolher o seu. Veja:

Objetivo

O primeiro passo é decidir qual o objetivo da massagem, isso porque existem muitas opções no mercado que agem de forma diferente, trazendo resultados específicos.

Um creme de massagem para relaxar não vai alcançar os efeitos do cosmético produzido para redução de medidas, por isso é tão importante começar por esse critério. Em caso de dúvida, converse com um massagista ou dermatologista.

Mulher em maca com expressão feliz e relaxada

O creme de massagem relaxante tem princípios ativos diferentes do creme redutor de medidas. (Fonte: Andrea Piacquadio / Pexels.com)

Ativos

Mesmo definindo o objetivo, você pode encontrar cremes de massagem com diferentes princípios ativos, e conhecê-los é a melhor forma de não errar na escolha. Esses ativos te guiam para encontrar o creme certo dentro daquilo que você deseja alcançar. Confira a lista com alguns deles:

  1. Mentol: Esse ativo reduz a temperatura do local e reduz a gordura. Também é relaxante;
  2. Cafeína: É lipolítico, reduzindo a reserva de gordura, também melhora a circulação;
  3. Guaraná: Rico em cafeína, ele é diurético e aumenta a circulação do sangue;
  4. Centelha asiática: Ativa a circulação sanguínea e reduz células de gordura, sendo ótimo para redução de medidas;
  5. Castanha-da-índia: É anti-inflamatório e atua no tratamento da celulite;
  6. Pimenta preta: É termogênica, tonifica e promove a elasticidade da pele.

Aroma

Não é novidade que o aroma também ajuda na sensação de bem-estar. Existe até mesmo uma técnica terapêutica que trabalha com os cheiros através do uso de óleos essenciais, chamada aromaterapia. Portanto, escolha bem o aroma do creme de acordo com o objetivo da massagem. A lavanda, por exemplo, é ótima para ajudar no relaxamento.

Dica: É sempre bom ter a versão do creme de massagem neutro, ou seja, sem perfume. Algumas pessoas podem preferir por não gostar de certos cheiros ou mesmo por conta de alguma doença alérgica respiratória, como rinite.

Tamanho

Existem embalagens de apenas 200 gramas ou mais de 1kg. Para escolher, considere sua frequência de uso. Se vai aplicar em você mesmo ou algum familiar, uma pequena quantidade já é suficiente, especialmente para testar o creme.

Porém, um massagista, por exemplo, pode considerar o investimento nos potes maiores, já que em seus atendimentos o creme é o carro chefe do seu trabalho.

Resumo

O creme de massagem é fundamental para melhor aproveitamento da técnica. São seus ativos que potencializam os resultados da massagem. Para isso, você precisa considerar seu objetivo e escolher o creme certo, como explicamos nesse guia.

Seja você um iniciante ou profissional, não dispense um bom creme de massagem. Agora, conte para nós nos comentários abaixo se você já usou algum dos cremes indicados. Sua experiência também pode somar nesse guia e ajudar outras pessoas interessadas em aprender mais.

(Fonte da imagem destacada: Andrea Piacquadio / Pexels.com)

Por que você pode confiar em mim?

Resenhas