[kb_how_we_chose products=”11″ studies=”2″ hours=”15″ comments=”58″]Olá, seja muito bem-vindo ao Guia de Bem Estar! O jaleco feminino é considerado um uniforme para muitas mulheres, principalmente para as que atuam na área da saúde. Ele está presente na vestimenta de médicas, veterinárias, enfermeiras e muitas outras profissionais e é sobre ele que falaremos neste texto.

Encontrado em diversos modelos, o jaleco feminino é considerado um equipamento de proteção. E por ser utilizado por muitas horas seguidas é fundamental escolhê-lo corretamente. Para te ajudar nessa tarefa criamos esse artigo, então se quiser saber tudo sobre esse produto, reserve um tempinho para lê-lo até o final.

Primeiro, o mais importante

  • O jaleco feminino é produzido em variados modelos e na maioria das vezes é mais acinturado e possui apenas dois bolsos inferiores.
  • Ele é confeccionado em diversos tecidos sendo os mais comuns o Oxford e o Gabardine.
  • O jaleco feminino pode ser personalizado recebendo o nome da profissional, seu cargo, aplicações de renda e muito mais.

Os melhores jalecos femininos: Os preferidos das leitoras

As mulheres que utilizam o jaleco feminino para trabalhar não abrem mão de ter um produto bonito e confortável. E há infinitas opções dessa peça que podem ser encontradas para comprar. Para te ajudar nesse processo de escolha separamos aqui os modelos mais bem avaliados.

[kb_productlist]

A opção com melhor custo benefício

Esse modelo de jaleco feminino é confeccionado em tecido Oxford e possui mangas longas. Ele está disponível na cor branca, em seis opções de tamanho e conta com três bolsos. O jaleco possui ainda uma faixa nas costas e excelente acabamento.

O melhor jaleco feminino colorido

As mulheres que buscam por um jaleco feminino colorido podem apostar nesse modelo. Ele é produzido em gabardine, um tecido muito leve e sofisticado, que dá um toque a mais de beleza no produto. Essa opção está disponível em dez cores e em seis variações de tamanho, adaptando-se a todos os gostos e necessidades.

O modelo com gola padre favorito

Quem trabalha utilizando um jaleco feminino com gola padre pode investir nesse modelo sem medo. Ele é produzido em tecido gabardine, conta com mangas longas e é confeccionado em seis tamanhos na cor branca. O jaleco tem ainda dois bolsos e cinto nas costas.

[/kb_productlist]

Guia de Compra

O jaleco feminino é uma peça de roupa que acompanha muitas mulheres no seu dia a dia de trabalho. Ele é um item que passa muito profissionalismo e ainda consegue protegê-las da exposição a bactérias, produtos químicos e muitos outros produtos que podem ser contaminantes.

E para escolher um desses é necessário conhecer a fundo sobre esse item e é para isso que criamos esse guia de compra. Nele você encontra tudo o que há de mais importante sobre o jaleco feminino e ao final da leitura estará craque no assunto.

[kb_faq]

O que o jaleco feminino tem de diferente do masculino?

O jaleco feminino é um produto que está presente no dia a dia de mulheres que trabalham em diversas áreas. Mas o que muitos não sabem é que ele possui características diferentes das versões masculinas desse tipo de uniforme.

A principal diferença entre os jalecos femininos e os masculinos está nos bolsos. O jaleco masculino tradicionalmente conta com três bolsos, um no peito e outros dois inferiores. Já os modelos para mulheres podem ter apenas dois bolsos inferiores.

Além disso, a versão feminina desse produto é mais acinturada do que a masculina e normalmente recebe personalizações diferenciadas. No jaleco feminino é possível ver a aplicação de rendas, estampas, mangas estilo princesa e muitos outros elementos que não estão presentes nos modelos para homens.

O jaleco surgiu no final da Idade Média, mais especificamente na época da Peste Bubônica.

Ele foi desenvolvido para proteger os médicos europeus que trabalharam no tratamento dessa doença e vinha acompanhado de luvas, chapéu, máscara e um protetor de nariz.

Quais os principais modelos de jaleco feminino?

O jaleco feminino pode ser confeccionado em variadas versões, mas no quesito modelo o que mais se altera é o tipo de gola e mangas que ele possui. A gola desse produto não tem função apenas estética, mas também atua como uma proteção maior ao profissional.

Com isso, existem basicamente três opções: a gola tradicional, gola xale e gola padre. Não há restrições com relação a profissão para o uso de cada uma delas e todas as profissões permitem a utilização de jalecos femininos com qualquer tipo de gola.

A gola tradicional é a mais comum e possui formato em V.
A gola tradicional é a mais comum e possui formato em V. Ela tem uma abertura até o peito e é muito utilizada por todos os profissionais da saúde. Já o jaleco feminino com gola xale é muito parecido com o modelo anterior, porém ele conta com uma abertura mais arredondada.

O jaleco com gola padre, por sua vez, é muito usado por odontologistas e cozinheiros e é ideal para atividades onde se necessita de uma maior proteção. Isso porque esse tipo de gola é mais alta e cobre até o pescoço.

Com relação a manga, existem opções de manga curta, longa ou 3/4. Para os profissionais da saúde a regra é o uso de jalecos com manga longa, pois assim a proteção é maior.

Na foto uma odontologista tratando um menino.

O jaleco feminino com gola padre é muito utilizado por odontologistas. (Fonte: jarmoluk / Pixabay)

Quais as vantagens em utilizar um jaleco feminino?

O jaleco feminino pode ser utilizado por profissionais das mais diversas áreas. Ele é considerado um uniforme para médicas, farmacêuticas, biomédicas, veterinárias e mulheres que atuam em diversas outras áreas.

E não é à toa que ele se consagrou. Esse produto é sinônimo de profissionalismo e passa uma maior credibilidade para quem o utiliza. Outro ponto positivo da sua utilização está no fato de que ele age como um item de proteção, assim como luvas, óculos de proteção e sapatos de segurança.

Não pode-se deixar de destacar ainda que o jaleco feminino é uma excelente ferramenta de identificação da profissional. Nele normalmente estão contidas informações como nome e profissão, o que facilita para que pacientes ou outras pessoas a reconheçam.

Mas nem tudo são flores. O jaleco feminino também tem um ponto negativo e ele está relacionado com os dias com altas temperaturas. Por mais leve que seja o tecido usado na sua confecção, o jaleco ainda sim é relativamente quente e isso gera um desconforto para quem está utilizando essa peça no calor.

[procon][pro_h4][check_list] É sinônimo de profissionalismo; Facilita a identificação; Age como uma proteção para quem o utiliza; Passa uma imagem de credibilidade [/check_list][/procon][procon][con_h4][cross_list]É ruim em dias quentes [/cross_list][/procon]

Quais são os tecidos usados na confecção do jaleco feminino?

Um dos fatores mais importantes para um jaleco feminino é o seu conforto e isso está diretamente relacionado ao material em que esse produto é confeccionado. Existem diversos tecidos que são utilizados para isso e os principais deles você encontra abaixo:

  • Algodão: Os jalecos produzidos em algodão garantem um ótimo conforto e respirabilidade para a pele, sendo uma ótima opção. Porém, eles devem ser evitados por profissionais que trabalham em contato com o fogo, pois o algodão tem alta inflamabilidade.
  • Gabardine: As opções de jaleco em gabardine são mais sofisticadas e tem um aspecto mais encorpado. Esse tecido é muito resistente e tem boa impermeabilidade, sendo bom para dias mais frios e para quem trabalham constantemente em locais com ar condicionado. Além disso, ele promove uma excelente troca térmica.
  • Two Way: O two way é um tipo de tecido que não amassa, tem um leve brilho e garante ótima flexibilidade ao profissional.
  • Oxford ou poliéster: Outro tecido muito usado na confecção do jaleco é o Oxford, um tecido sintético feito 100% de poliéster. Ele possui um preço baixo e também não amassa, mas seu ponto negativo é que ele é quente.
  • Oxfordine: O oxfordine é um derivado do Oxford e é conhecido também como Oxford de verão. Ele conta com uma grande porcentagem de algodão na sua composição e graças a isso é mais leve e muito macio.
  • Microfibra: A microfibra é uma matéria-prima leve que possui bom caimento e durabilidade. Porém, ela amassa com mais facilidade.
Imagem de uma médica examinando um menino.

É fundamental que o jaleco feminino seja confeccionado em um tecido confortável. (Fonte: microgen / 123rf)

Onde comprar um jaleco feminino?

Não é difícil de encontrar um jaleco feminino para comprar. Em praticamente todas as cidades existem lojas especializadas na confecção desse tipo de produto e caso na sua não tenha há muitos sites que o comercializam também.

Na internet há uma infinidade de modelos de jaleco feminino que podem ser adquiridos e algumas lojas online para isso são:

  • Amazon
  • Dra Cherie
  • Mercado Livre
  • Jalecos Le Petit
[postgrid][postbox url=”https://www.reviewbox.com.br/estetoscopio/”][postbox url=”https://www.reviewbox.com.br/termometro-digital/”][/postgrid] [/kb_faq]

Critérios de Compra: Fatores para comparar os modelos de jaleco feminino

Agora que você já está por dentro de todo o universo do jaleco feminino chegou o momento de te ajudar a escolher o seu. Para isso você deve levar em consideração alguns fatores, são eles:

  • Tamanho
  • Cor
  • Valor do bordado
  • Possibilidade de personalização

Tamanho

Uma das questões mais fundamentais na hora de escolher um jaleco feminino para comprar é o tamanho dessa peça. É muito comum que ele seja encontrado nas medidas P, M, G e GG e para descobrir qual o ideal para você deve-se checar as seguintes medidas:

  • Busto: O busto é uma das medidas mais essenciais para um jaleco e deve-se medir toda a circunferência para alcançar o tamanho que ele possui. No caso das mulheres uma recomendação é escolher um jaleco que tenha uma folga de 3 a 6 centímetros nessa região.
  • Cintura: Outra parte importante do jaleco é a cintura e ele não deve ficar muito largo nessa região.
  • Altura: A altura de quem irá utilizar o jaleco é uma das partes mais variáveis nesse produto e o correto é que ele fique um pouco acima da altura dos joelhos para as mulheres. Portanto, meça desde os ombros até essa região.
  • Manga: Caso o jaleco possua mangas longas deve-se também pegar as medidas dos braços. Para isso coloca-se a fita métrica desde a ponta do ombro e a estende até o começo do polegar.

Cor

Antigamente os jalecos só eram permitidos na cor branca.
Antigamente os jalecos só eram permitidos na cor branca, mas com o passar dos anos isso mudou bastante. É claro que esse tom ainda é universal e sinônimo de profissionais que atuam na área da saúde, mas já existe uma certa flexibilidade com relação a isso.

E os modelos femininos são os que mais possuem opções. Há versões confeccionados em tons pastéis, coloridos e até mesmo pretos. Porém, antes de escolher um desses verifique se isso está de acordo com as regras do seu local de trabalho.

Valor do bordado

Muitas lojas e empresas que trabalham com a confecção de jalecos já realizam também o trabalho de bordar as informações desejadas na peça. Por isso, é importante checar o valor que elas cobram para executar esse serviço.

Muitas vezes o jaleco em si pode até estar mais em conta em um determinado local, mas somando o valor dos bordados a compra acaba não compensando. Além disso, os bordados são cobrados individualmente, portanto faça a soma total do produto antes de finalizar a compra.

Na foto uma mulher dentro de um laboratório.

A maioria dos jalecos femininos possui algum bordado e as empresas cobram diferentes valores para a sua colocação. (Fonte: Ani Kolleshi / Unsplash)

Possibilidade de personalização

Os jalecos tradicionais são facilmente encontrados para comprar, mas quem busca por um produto mais diferenciado pode precisar buscar um pouco mais. Mas, já existem muitas lojas que trabalham com jalecos femininos personalizados e isso é muito positivo.

Nesses locais é possível fugir do comum e criar uma peça que tenha tudo a ver com a personalidade de quem irá utilizá-la. Essa customização pode vir nos botões, na gola, bolsos e muito mais.

(Fonte da imagem destacada: Cathy Yeulet / 123rf)