Ultima atualização: 23 de abril de 2020

Como escolhemos

14Produtos analisados

17Horas investidas

5Estudos avaliados

67Comentários coletados

Olá! Seja muito bem-vindo ao Guia de Bem Estar. O cinto de segurança pode irritar a pele sensível dos bebês, ou ainda machucar crianças maiores que dormem durante as viagens. Para evitar esse problema, você pode investir em um protetor de cinto de segurança.

Existem modelos para os bebês ou crianças maiores. Continue com a gente ao longo desse Guia e faça a melhor escolha.

Primeiro, o mais importante

  • Se você quer oferecer mais conforto para seus filhos enquanto usam o cinto de segurança, o protetor é o utensílio que você procura.
  • O protetor de cinto de segurança está disponível em dois modelos. Eles podem ser duplos, para atender bebês em cadeirinhas ou carrinhos, ou um protetor único e mais longo para crianças que já usam o cinto do carro.
  • Você pode pagar entre R$ 20 e R$ 100 em um protetor de cinto de segurança.

Os melhores protetores de cinto de segurança: Para todas as idades

O protetor de cinto de segurança é indicado para crianças de todas as idades. Confira o modelo ideal para seu filho de acordo com o tipo de cinto que ele usa:

Protetor de cinto para segurar a cabeça

Esse protetor de cinto de segurança oferece apoio para a cabeça e pescoço em passeios e viagens. Ele tem fechamento em velcro e é ajustável em todos os cintos de segurança. Não altera a tensão do cinto, é fácil de higienizar e funciona como um travesseiro para longas viagens.

Protetor de cinto de segurança almofadado

Esse protetor é na verdade uma almofada infantil para cinto de segurança. Ele mede 58 cm de comprimento, sua capa é em Oxford 100% poliéster e o enchimento de poliéster siliconado. Serve para proporcionar conforto e apoio para a cabeça das crianças enquanto viajam.

Protetor duplo feminino para cinto

Esse modelinho rosa de coelhinho é indicado especialmente para uso em cinto de três ou cinco pontas, como bebês confortos, cadeirinhas e carrinhos. Tem preenchimento extra na parte superior dos ombros para apoiar o pescoço, proporcionando conforto. Ele é lavável na máquina.

Protetor de cinto unissex para bebês

Em formato de cachorrinho, esse protetor de cinto de segurança duplo é especial para uso em cinto de segurança de três ou cinco pontas, trazendo mais conforto para bebês passearem em suas cadeirinhas, bebês confortos e carrinhos. Ele é feito de material ultra macio e serve para meninos e meninas.

Capa protetora de cinto para adultos

Essa capa protetora de cinto de segurança na cor grafite é feita de material ecológico. Ela tem um bordado esportivo, trazendo esse estilo para seu carro. Ela é universal e possui fechamento em velcro.

Guia de Compra

O cinto de segurança já irritou a pele do seu bebê? Ou você tem filhos maiores que já pegaram no sono e ficaram com a cabeça desprotegida durante a viagem? O protetor de cinto de segurança vem solucionar ambos os casos.

Para conhecer mais sobre os modelos continue com a gente nesse Guia de Compra. Aqui você tira suas principais dúvidas e aprende a escolher o modelo certo para seus filhos.

Menina sentada em cadeirinha usando um protetor de cinto de segurança.

O protetor de cinto de segurança traz mais conforto durante viagens. (Fonte: Divulgação/ Amazon)

Quando o uso do protetor de cinto de segurança é indicado?

O protetor de cinto de segurança é indicado especialmente para bebês e crianças, embora existam modelos para adultos.

No caso dos bebês, ele protege a pele sensível da criança de ficar em contato com o cinto. Por ser acolchoado, ele também deixa a cabecinha dos bebês mais firmes.

É indicado para ser usado sempre que o bebê estiver usando cinto, seja em suas cadeirinhas de transporte do carro ou ainda em seu carrinho de passeio.

Quando se trata de crianças maiores, que já usam o cinto de segurança do próprio veículo, o protetor é indicado para trazer mais conforto durante as viagens. Assim os pequenos podem encostar a cabeça e dormir com conforto.

foco

Atenção! Independentemente de contar com protetor de cinto de segurança ou não, o cinto é sempre indicado enquanto o veículo está em movimento. Mesmo que pareça causar desconforto, é ele que traz segurança em caso de acidente.

Portanto, se o cinto parece desconfortável, invista em um protetor para maior conforto, mas nunca deixe de usá-lo.

Quais os diferentes tipos de protetor de cinto de segurança?

Podemos dividir o protetor de cinto de segurança em três tipos: duplos, unitários ou para adultos. O tipo do protetor está diretamente ligado com sua indicação de uso.

  • Duplo: Os duplos, ou seja, protetores vendidos em pares, são confeccionados para serem usados com bebês que usam cinto de segurança de três ou cinco pontas. Esses cintos estão presentes em bebês confortos, cadeirinhas de carro, cadeirinhas de alimentação ou carrinhos de bebê. Geralmente eles possuem fechamento em velcro, são acolchoados e com tecido que toque macio. Você encontra em diversas cores e temas bem infantis.
  • Unitários infantis: São almofadados para garantir que a criança possa repousar a cabeça no cinto enquanto dorme. Ele é feito para ser usado no cinto de segurança do próprio veículo e pode ter diferentes medidas e formatos. Você encontra com diferentes medidas e preenchimento.
  • Protetores de adulto: Também conhecidos como capa de cinto de segurança, costumam ser menos volumosos, mas também têm o objetivo de trazer mais conforto enquanto motorista ou carona utilizam o cinto. As medidas variam e o fechamento pode ser de velcro, botão ou zíper. Eles também podem ser vendidos em pares.
Duplo Unitário Adulto
Indicação Para bebês que usam cinto de três ou cinco pontas, como em carrinhos e cadeirinhas de transporte Para crianças que já usam o cinto do próprio veículo e dormem durante a viagem Para adultos que buscam mais conforto no uso do cinto
Preço Entre R$ 20 e R$ 70 Entre R$ 25 e R$ 50 Entre R$ 15 e R$ 100

Quais as vantagens do protetor de cinto de segurança?

Embora não existam evidências científicas de que as crianças fiquem mais protegidas com o uso do protetor de cinto de segurança, ele também não compromete a funcionalidade do cinto e pode ser usado sem preocupações.

O protetor não compromete a funcionalidade do cinto.

A maior vantagem do protetor de cinto de segurança é trazer mais conforto, independente do tipo escolhido. Eles são acolchoados e em sua maioria possuem toque macio.

Especialmente para crianças que costumam pegar no sono durante a viagem, o protetor é uma opção mais segura para que eles possam repousar a cabeça no cinto.

No caso dos bebês, o protetor pode deixar a cabecinha deles mais firme para os passeios, já que oferece maior sustentação dos dois lados. Além de evitar que a pele fique em contato com o material do cinto, que pode causar irritações.

A maioria deles é facilmente lavável. Outro ponto positivo é que você pode colocar e tirar com muita facilidade.

Vantagens
  • Mais conforto para crianças
  • Evita irritações causadas por contato com cinto
  • Deixa a cabeça dos bebês mais firmes
  • Oferece sustentação para crianças dormirem no veículo
  • É barato
  • Facilmente lavável
  • Simples de colocar e remover
Desvantagens
  • Não possui evidências que garantir mais segurança

Quanto custa e onde comprar um protetor de cinto de segurança?

O preço do protetor de cinto de segurança varia muito. Você pode comprar versões simples com menos de R$ 20 ou encontrar modelos mais elaborados por mais de R$ 100. Um bom modelo infantil custa em média R$ 50.

Pode ser um desafio encontrar um protetor em uma loja física, portanto, o melhor local para compra é na internet. Sites como Amazon Brasil, Lojas Americanas e Mercado Livre possuem diversas ofertas.

logo

Critérios de Compra: Saiba escolher o protetor de cinto de segurança ideal

Escolher um protetor de cinto de segurança não e uma tarefa difícil, mas antes de sair comprando qualquer modelo, confira os critérios que selecionamos para te ajudar nessa missão:

Confira os tópicos mencionados em detalhes.

Tipo

Quantos anos tem a pessoa que vai usar o protetor de cinto de segurança? Isso muda a escolha do modelo já que bebês têm necessidades diferentes de crianças maiores, que por sua vez têm necessidades diferentes dos adultos.

A primeira escolha é em relação ao tipo. Bebês usam protetores duplos para cintos de três ou cinco pontas, crianças maiores usam os modelos unitários bem acolchoados e os adultos precisam de uma capa protetora mais simples.

Família em carro usando cinto de segurança.

O primeiro passo é definir o tipo de protetor, já que existem modelos para crianças e adultos. (Fonte: dolgachov/ 123rf.com)

Tamanho

Decidido o tipo de acordo com a idade, meça o tamanho do protetor de cinto que você precisa. Cuidado com a compra pela internet sem conferir as medidas do produto, alguns podem se menores que parecem e causar frustração.

Cheque as medidas do protetor e confira se ele vai encaixar bem no cinto que você pretende utilizá-lo.

Material

Existem protetores de todos os materiais possíveis. Com toque seco, macio e até mesmo de couro. Para os bebês, prefira os modelos de algodão, com toque suave.

O material também pode influenciar na facilidade da lavagem, portanto, reflita bem antes de tomar sua decisão.

Design

Você pode optar por um simples protetor de cinto de segurança ou um modelo colorido e com bichinhos temáticos. Isso vai depender da escolha dos pais e da criança quando ela for maior.

O design também tem relação com a praticidade. Vale lembrar que cores muito claras costumam sujar com mais facilidade.

(Fonte da imagem destacada: Divulgação/ Amazon)

Por que você pode confiar em nós?

Natália Nunes Professora
Professora do Ensino Fundamental nas redes pública e particular, Natália tem experiência de sobra para saber o que faz as crianças felizes e o que lhes incomoda. Além dos pequenos, ela também é apaixonada pelas palavras. Na internet, une as duas paixões e escreve sobre o curioso universo dos pequenos.
Curiosa por natureza, escolheu jornalismo na graduação. Adora pesquisar sobre os mais diversos assuntos, especialmente aqueles relacionados a construção do lar, crianças e maternidade. Apaixonada pelos animais e cada vez mais interessada pela sustentabilidade, quer trazer mais sobre esses universos para o leitor.