Ultima atualização: 23 de abril de 2020

Como escolhemos

17Produtos analisados

19Horas investidas

4Estudos avaliados

79Comentários coletados

O Brasil é um país tropical com muita incidência de sol, mas você sabia que 7 em cada 10 brasileiros não usam protetor solar facial todos os dias? Os dados são de uma pesquisa realizada pelo Instituto de Cosmetologia e Ciências da Pele e revelam a importância de campanhas de conscientização da população.

Se você já usa protetor solar facial, ou deseja começar agora, nós preparamos um guia para contar tudo sobre esse item essencial na rotina de cuidados com a pele. Veja os melhores produtos no mercado e os critérios que você deve levar em conta antes de fazer sua decisão. Vamos lá?

Primeiro, o mais importante

  • O protetor solar facial deve ser utilizado sempre, não somente nos dias mais quentes e ensolarados.
  • A quantidade ideal de protetor solar a ser aplicada no rosto é de aproximadamente 1 colher de chá. Basta dar pequenas batidinhas no rosto com os dedos médio e anelar, e espalhar fazendo movimentos de baixo para cima.
  • É importante definir seu tipo de pele antes da compra. Há protetores para peles oleosas ou secas, e cada produto tem suas particularidades e textura.

Os melhores protetores solares faciais: Nossas recomendações

Escolher o protetor solar facial certo para você não é a tarefa mais simples. Para ajudá-lo, criamos este Ranking com alguns dos protetores faciais mais bem avaliados na internet. Confira:

O melhor custo-benefício do mercado

Este protetor solar facial da L’Oréal com FPS 30 é formulado para peles oleosas. Além de controlar e reduzir o brilho, sua textura gel-creme é de rápida absorção e reduz as imperfeições da acne ao mesmo tempo que deixa a pele seca. A bisnaga contém 50g e o protetor também reduz rugas e manchas solares.

O melhor avaliado pelo público

Com textura aveludada indicada para todos os tipos de pele, principalmente as secas, este protetor solar facial é formulado com a famosa água termal da La Roche-Posay, que possui propriedades calmantes. Possui FPS 50 e é formulado com ácido hialurônico para combater as ações do tempo, como rugas e linhas de expressão.

O melhor fator de proteção

Com FPS 60, este protetor solar facial é pigmentado) e oferece cobertura natural e uniforme. Além disso, auxilia no clareamento de manchas – sendo inclusive indicado no tratamento do melasma. Sua textura é fluída e fácil de espalhar, e o protetor está disponível nas tonalidades Light e Medium.

Guia de Compra

Agora que você já conferiu os protetores faciais mais recomendados, dê uma olhada no nosso Guia de Compra para se inteirar sobre o que é exatamente um protetor solar facial.

Dessa forma, você poderá fazer uma escolha acertada e terá mais chances de adquirir um produto que atenda todas as suas expectativas.

Mulher aplicando protetor solar facial no rosto.

Aplicar o protetor solar facial diariamente é essencial para a saúde do rosto. (Fonte: asife / 123rf)

O que é um protetor solar facial?

Um protetor solar facial é um gel, creme ou líquido usado para proteger a pele das agressões ocasionadas pela exposição ao sol, como manchas e queimaduras.

Geralmente, o produto vem em uma bisnaga ou frasco de plástico e está disponível em tamanhos próprios para levar em bolsas, mochilas e malas.

Vale lembrar que embora os lábios façam parte do rosto, é preciso investir em um protetor labial específico para proteger essa região sensível do sol.

Quais são os tipos de protetor solar facial disponíveis no mercado?

Os protetores solares faciais estão disponíveis em versões com Fator de Proteção Solar (FPS) de 30 a 100. Essencialmente, o FPS corresponde a quantidade de vezes que sua pele está protegida dos raios UVB, responsáveis por deixar a pele vermelha e outros danos à saúde – inclusive câncer de pele.

Há 3 tipos de protetor solar facial mais encontrados no mercado:

  • Creme: Versão mais adequada para peles secas e/ou maduras, por ser mais oleoso e denso. Certifique-se que o produto seja não-comedogênico, isto é, não entupa os poros. Um bom protetor solar facial em creme deve hidratar e proteger, e alguns ainda têm ação antienvelhecimento, clareador de manchas e antirrugas.
  • Gel: Queridinho das pessoas que têm pele oleosa e evitam fórmulas cremosas, o protetor solar facial em gel é refrescante, não-comedogênico, fácil de aplicar e absorver, deixando a pele sequinha. Alguns protetores em gel possuem até ingredientes que ajudam a secar espinhas e dissolver cravos e impurezas.
  • Fluído: Mais indicado para peles mistas, os bons protetores solares faciais fluídos controlam a oleosidade e hidratam a pele.

A seguir, confira a tabela que elaboramos com as principais características de cada um:

Creme Gel Fluido
Tipo de pele Mais indicado para peles secas e/ou maduras Mais indicado para peles oleosas e com acne Peles mistas
Ação Hidrata Controla a oleosidade Hidrata enquanto controla a oleosidade do rosto
Textura Mais oleosa ou densa Textura mais aquosa facilmente absorvida pela pele Textura aquosa, embora algumas possam ter um fundo oleoso
Extras pode ter ação antienvelhecimento Pode ajudar a combater a acne

Quais são as vantagens e desvantagens de um protetor solar facial?

Resumidamente, as vantagens do protetor solar facial superam as desvantagens, principalmente porque o uso do produto evita doenças como o câncer de pele e previne o envelhecimento precoce.

Há, sim, algumas desvantagens específicas de alguns protetores que você pode se deparar por aí, como o preço alto ou textura incompatível com a sua pele (se você tiver pele oleosa e optar por um protetor facial de textura creme, por exemplo).

4 embalagens de protetor solar em um estrado de madeira.

Escolha o tipo de protetor ideal para sua pele. (Fonte: chezbeate / Pixabay)

Outro fator que deve ser observado é que o protetor solar facial deve ser reaplicado várias vezes ao dia para que obter a proteção desejada.

Dê uma olhada em nossa tabela com um resumo para entender melhor as vantagens e desvantagens do protetor solar facial:

Vantagens
  • Protege contra os raios UVA e UVB responsáveis por danos à pele
  • Há um protetor solar facial específico para cada tipo de pele
  • Muitos protetores oferecem benefícios extras, como antirrugas e clareador de manchas
  • São encontrados facilmente, até farmácias de bairro vendem
Desvantagens
  • Pode custar caro, principalmente os produtos importados
  • Deve ser reaplicado ao longo do dia para obter a proteção desejada
  • Se você não prestar atenção, pode comprar um protetor não adequado ao seu tipo de pele

Quanto custa um protetor solar facial?

Depende. Com o avanço da tecnologia e muitos estudos na área, é possível encontrar bons produtos nacionais por menos de R$ 30.

Já produtos de conceituados laboratórios dermatológicos, como Vichy, ROC, La Roche Posay, entre outros, podem sair por cerca de R$ 70. Nessa faixa de preço, é possível encontrar protetores com FPS mais altos, de 50, 60 e 70.


Onde comprar um protetor solar facial?

Felizmente, encontrar o protetor solar facial ideal para as suas necessidades está cada vez mais fácil!

Grandes supermercados, como Pão de Açúcar e Carrefour e farmácias como Drogasil, Droga Raia e Onofre são excelentes lugares para adquirir seu protetor solar facial.

Se você é da turma que prefere fazer tudo pela internet, o ideal é apostar nas grandes lojas como Amazon, Submarino e Lojas Americanas.

Critérios de compra: Fatores para comparar as ofertas de protetor solar facial

Antes de escolher o protetor solar facial ideal para as suas necessidades, é bom prestar atenção nos seguintes fatores:

  • Tipo de pele
  • Fator de Proteção Solar (FPS)
  • Preço
  • Protetor solar facial com pigmentação ou sem?
  • Textura

Vamos explicar cada um mais detalhadamente abaixo:

Tipo de pele

Além dos protetores faciais formulados para todos os tipos de pele, os laboratórios desenvolvem produtos específicos para peles oleosas e secas.

Os protetores faciais para peles oleosas geralmente possuem textura mais fluída e é importante checar se a fórmula é não comedogênica, isto é, não entope os poros. Boa parte dos produtos para peles oleosas contém agentes que combatem a acne.

Já os protetores para peles secas costumam ser formulados como cremes de textura aveludada, e possuem propriedades hidratantes. Alguns tipos ainda têm componentes que agem contra o envelhecimento da pele e combatem as rugas e linhas de expressão.

Mulher lendo livro deitada ao sol se protege dos raios solares com as mãos.

Lembre-se de reaplicar o protetor solar facial várias vezes ao dia para garantir uma proteção infalível! (Fonte: 422737 / Pixabay)

Fator de Proteção Solar (FPS)

É importante conhecer sua pele. Se você já começa a sentir o rosto ardendo após 5 minutos de exposição e for utilizar um protetor solar facial FPS 50, basta multiplicar 5 por 50, o que dá 250. Ou seja, após a aplicação, você poderá ficar 250 minutos exposto ao sol sem ter que reaplicar o protetor. Assim ficou fácil, não é mesmo?

De acordo com especialistas, o FPS recomendado para pessoas de pele negra é entre 8 e 15. Para os de pele morena, o filtro solar deve ter fator de proteção entre 15 e 30. Já as pessoas mais claras, como ruivas e loiras, devem apostar em uma proteção entre 30 e 80.

foco

O Fator de Proteção Solar é a medida do protetor contra os raios solares ultravioleta B (UVB), que é o responsável por queimar a pele. O número FPS indica quanto tempo você pode ficar exposto ao sol utilizando o produto.

Preço

Um dos primeiros fatores que você deve levar em conta na hora de adquirir seu protetor solar facial é quanto pretende gastar. Defina seu orçamento e a partir daí compare as opções.

É possível encontrar versões mais baratas por poucas dezenas de reais, mas se o céu for o limite, há grifes de renome internacional com produtos que podem chegar a quase mil reais!

Protetor solar facial com pigmentação ou sem?

Aí é uma questão de gosto e da sua rotina de beleza. Se você prefere uma pele mais natural, pode optar por um protetor solar facial sem pigmentação, ou pelo menos com baixa pigmentação e cobertura.

Caso você sofra com manchas de sol ou acne e deseje cobrir as imperfeições, pode apostar em um protetor com pigmentação adequada ao seu tom de pele.

Há laboratórios que apostam nesse tipo de produto e desenvolvem linhas com diversos tons, como se fossem base ou corretivo.

De qualquer forma, fica a seu critério escolher um protetor solar facial com pigmentação ou sem. Se você prefere um look mais natural, aposte nos produtos comuns. Caso prefira uniformizar o tom da pele, os protetores pigmentados podem facilitar e muito a sua rotina de beleza.

 Moça maquiada toma sol na areia com chapéu e biquíni azul.

Quer usar protetor mas não abre mão da cobertura de uma base? Aposte nos protetores faciais pigmentados e mantenha o glamour! (Fonte: DayronV / Pixabay)

Textura

Assim como você deve escolher as propriedades mais adequadas a sua pele, leve em consideração a textura do protetor solar facial.

O ideal é testar na pele e ficar um tempo com o produto para ver como ela reage. Caso isso não seja possível, opte por texturas creme mais aveludadas para as peles mais secas e aposte em gel ou fluídos caso tenha a pele mais oleosa.

(Fonte da imagem destacada: maridav / 123RF)

Por que você pode confiar em mim?

Joana Dias Graduada em Estética
Para Joana, cuidar da saúde é cuidar da aparência, e vice-versa. É por isso que ela utiliza seu conhecimento em estética e suas horas de pesquisa online e offline para compartilhar seu conhecimento sobre cuidados pessoais e saúde.