Ultima atualização: 4 de agosto de 2021

Como escolhemos

25Produtos analisados

17Horas investidas

6Estudos avaliados

65Comentários coletados

Cada vez mais, mulheres (e homens) estão tirando alguns minutos de suas manhãs e noites para se dedicar às suas rotinas de cuidados faciais. Cuidar de nossa pele se tornou uma tarefa importante para muitas pessoas, por isso agora estamos mais conscientes das últimas tendências em cosméticos e tratamentos.

Você provavelmente já ouviu falar do retinol mais de uma vez. Você pode até mesmo ter produtos em sua mesa de toucador que contenham esta substância. No entanto, você ainda não está bem certo do que é e para que serve. É por isso que hoje vamos ajudá-lo a esclarecer todas as dúvidas que você possa ter sobre este elemento tão comum em produtos cosméticos.




O mais importante a saber

  • Retinol é um derivado da vitamina A que pertence à família dos retinóides. Retinóides foram usados pela primeira vez para tratar problemas de pele 40 anos atrás, e desde então o retinol se tornou uma das substâncias mais utilizadas no mundo cosmético.
  • Retinol atua nas camadas profundas da pele ajudando na produção de colágeno e na regeneração celular, tornando-o um bom remédio anti-envelhecimento. Também é indicado para tratar a acne ou rosácea.
  • Entretanto, às vezes ela pode ser muito abrasiva para a pele e pode causar irritação, vermelhidão ou inchaço se não for usada adequadamente. Além disso, ele não é indicado para uso durante a gravidez e amamentação.

Retinol: nossas recomendações

Guia de compras: O que você precisa saber sobre o retinol

Retinol é um dos ingredientes estrela dos cosméticos anti-idade. Além disso, muitos estudos apóiam sua eficácia em reduzir o sebo na pele, controlar a acne, promover a produção de colágeno e melhorar a textura da epiderme.

chica aplicando retinol

Retinol atua nas camadas profundas da pele para apoiar a produção de colágeno e a regeneração celular. (Fonte: kalos skincare: jQo_ibIdB10/ unsplash.com)

O que é retinol e quais são suas vantagens?

Retinol é um tipo de retinóide derivado da vitamina A. Na verdade, ela é a forma farmacológica desta vitamina. É também a forma mais usada em cosméticos e dermatologia e seus efeitos benéficos na pele foram comprovados por estudos.

Retinóides começaram a ser usados há cerca de 40 anos como um remédio para a pele com tendência a acne. As pessoas que o usavam começaram a notar uma melhora notável na textura de sua pele. Dermatologistas também tomaram consciência das capacidades anti-idade do retinol e ele começou a ser usado em tratamentos de pele anti-idade.

Além de seus efeitos anti-idade, o retinol também ajuda a reduzir manchas na pele.

Graças ao seu poder de promover a regeneração celular, os cosméticos com retinol são um complemento perfeito para sua rotina de cuidados faciais.

Vantagens
  • Tem forte poder anti-envelhecimento
  • Ajuda a reduzir a acne
  • Reduz manchas
  • Melhora a textura da pele
  • Acelera a renovação celular
Desvantagens
  • Pode causar efeitos adversos
  • Não pode ser usado durante a gravidez ou amamentação
  • Fotossensível

Como aplicar retinol

Retinol pode ser aplicado de diferentes maneiras e com diferentes produtos. É importante que a pele esteja completamente seca ao aplicar o produto. Não apenas manche o rosto com uma toalha, mas espere alguns minutos até que a pele esteja livre de umidade. Se a pele estiver úmida, o retinol penetrará ainda mais na pele e pode causar efeitos colaterais como irritação, inflamação ou vermelhidão

  1. O produto deve ser aplicado uniformemente em toda a face. Além disso, o retinol deve ser permitido absorver totalmente na pele antes de continuar com o resto da nossa rotina de cuidados faciais. Portanto, é recomendável que o retinol ocupe um lugar intermediário em nossa rotina.
  2. Ao aplicar o retinol, cuidados especiais devem ser tomados em áreas sensíveis como a área dos olhos e lábios.
  3. Retinol pode ser muito agressivo nessas áreas e pode causar vermelhidão e descamação da pele, portanto essas áreas devem ser evitadas a todo custo.

aplicando retinol con gotero

Você deve estar bem informado e levar em conta as necessidades do seu tipo de pele. (Fonte: amplitude magazin: 8BMr4l_2hgY/ unsplash.com)

Onde comprar retinol?

Retinol é um ingrediente cada vez mais comum em produtos cosméticos devido ao seu grande poder para combater a acne, rugas e melhorar a textura da pele. É por isso que é cada vez mais comum encontrar cosméticos com retinol no mercado:

  • Em farmácias. Lá você encontrará todos os tipos de cosméticos com retinol, tanto aqueles com uma baixa porcentagem do ingrediente quanto aqueles com uma porcentagem maior. Você também encontrará cosméticos que requerem uma prescrição e retinol em cápsulas para serem tomados por via oral.
  • Em perfumarias ou seções de perfumaria de supermercados. Também é possível encontrar produtos contendo retinol nessas lojas. Estes cosméticos são vendidos sem receita médica e a porcentagem de retinol é muito menor.

Como o retinol age na pele?

Como já dissemos em linhas anteriores, o retinol age penetrando nas camadas mais profundas da pele. Lá ele estimula a produção de colágeno e elastina, o que melhora a regeneração celular. A pele morta é facilmente removida e surgem novas camadas de pele mais lisas e luminosas.

Como age nas camadas mais profundas da pele, o retinol pode causar efeitos colaterais como vermelhidão, descamação ou inflamação.

Portanto, é aconselhável consultar um especialista que pode nos dizer quando usá-lo e com quais outros produtos ele não deve ser usado. O retinol também é fotossensível. Portanto, é aconselhável usar esta substância em nossa rotina diária à noite e evitar usá-la durante o dia. Além disso, é essencial usar o fator de proteção solar (FPS) sempre que usamos cosméticos contendo retinol.

Que tipos de retinol existem?

O retinol é um derivado da vitamina A pertencente à família dos retinóides. Em outras palavras, a formulação cosmética desta vitamina. Os retinóides podem ser divididos em diferentes tipos, dependendo do processo pelo qual a vitamina A foi submetida.

Abaixo você encontrará uma tabela mostrando os diferentes tipos de retinóides e suas principais características para que você possa decidir qual é o mais adequado às suas necessidades. Entretanto, em caso de dúvida, a melhor opção é sempre contatar um profissional para aconselhamento sobre retinóides.

Forma de vitamina A Você precisa de uma receita médica? Características
Ácido retinóico ou ácido tretinóico Forma de ácido Sim É o mais potente e o mais irritante. É produzido pela oxidação do retinol.
Retinol Formato alcoólico No É o mais famoso e usado em cosméticos. Oferece bons resultados a um preço econômico.
Retinaldehido Outra forma química No É meio caminho entre o ácido retinóico e o retinol, tanto em termos de potência quanto de irritação.
Retinil ou palmitato de retinil Sal No É o mais suave de todos. Isto a torna a escolha perfeita para peles sensíveis.

Qual retinol usar para o meu tipo de pele?

Cada tipo de pele tem características e necessidades diferentes. É por isso que é importante estar bem informado sobre os diferentes tipos de retinóides e para qual tipo de pele cada um deles é indicado. Se você tem dúvidas sobre qual produto é perfeito para você, se você tem pele sensível ou problemas de pele, é melhor consultar um profissional.

  • Pele com tendência a acne. Se você tem acne, o retinol pode ajudar a reduzir o óleo que sua pele gera e manter seus poros desobstruídos. Desta forma, seus poros não ficarão entupidos e menos espinhas se formarão. É recomendado que um dermatologista o aconselhe ou prescreva um medicamento com ácido retinóico.
  • Pele de rosácea. Retinol pode ajudar a reduzir os efeitos da rosácea cutânea se você usar a dose certa. No entanto, se você usar uma dose maior ou muito retinol, isso pode irritar sua pele. Como no caso da pele com tendência a acne, é recomendável que você consulte um profissional para aconselhamento sobre o melhor produto para a sua pele
  • Pele madura. Quando a produção de colágeno em nossa pele começa a diminuir, é uma boa opção usar produtos contendo retinol para ajudar a pele a retardar o máximo possível o aparecimento de rugas.

Quais alternativas existem para o retinol?

Retinol é uma grande ajuda no combate a alguns problemas de pele. Entretanto, em algumas ocasiões o retinol pode produzir efeitos adversos ou pode ser totalmente desaconselhável, como no caso da gravidez e amamentação. Portanto, é interessante conhecer outras alternativas ao retinol que você pode incluir em sua rotina diária.

Retinol ou ácido hialurônico? Retinol ou colágeno?
O ácido hialurônico é uma boa alternativa se você tiver uma pele sensível, pois tem uma tolerância bastante alta. Além disso, ele reduz significativamente os sinais de envelhecimento em poucos meses, hidrata a pele e promove a produção de colágeno. O colágeno é menos eficaz que o retinol e sua ação sobre a pele é mais lenta. Ao mesmo tempo, ele ajuda a regenerar a pele e mantê-la hidratada. O colágeno aumentará a elasticidade e diminuirá a flacidez.

Critérios de compra

Existem muitos produtos no mercado que contêm retinol. Entretanto, ao comprar um, há alguns fatores a serem considerados para comprar o produto que melhor atende às suas necessidades. Por esta razão, nós incluímos os aspectos mais importantes a serem considerados na compra de um destes produtos de retinol.

Tipo de pele

Retinol é aplicado diretamente na pele, então você precisa ser especialmente cuidadoso sobre o tipo de retinol que você usa e a quantidade que você aplica. Você precisa estar muito bem informado e levar em conta as necessidades do seu tipo de pele se você não quiser ter reações adversas.

Tipo de produto

Dependendo do tipo de pele que você tem e suas necessidades específicas, haverá um cosmético retinol que é mais adequado ao que você está procurando. Você encontrará uma ampla gama de produtos contendo retinol no mercado, como soros, óleos, cremes e soros.

retinol en frasco

Retinol é um ingrediente cada vez mais comum em produtos cosméticos devido ao seu poder para combater a acne, rugas e melhorar a textura da pele. (Fonte: Elena Fedorina: 135324853 / 123rf.com)

Composição

Outro fator a ser levado em consideração ao comprar um produto cosmético contendo retinol é sua composição. Dependendo das necessidades de nossa pele, a quantidade de retinol que aplicaremos será diferente.

Devemos prestar atenção especial à quantidade de retinol em nosso produto se tivermos rosácea ou pele sensível, pois uma alta quantidade deste composto pode agravar os problemas de nossa pele.

Além disso, se sofremos de acne ou qualquer outra doença de pele, é melhor consultar um profissional. Eles nos aconselharão sobre os produtos que nossa epiderme precisa para evitar possíveis danos.

Gravidez e amamentação

A vitamina A é lipossolúvel e pode intervir em uma infinidade de processos, como a gravidez. Em outras palavras, os retinóides podem entrar na corrente sanguínea e causar malformações no feto. É verdade que os produtos que podem penetrar são considerados medicamentos e têm que ser adquiridos sob prescrição médica.

Entretanto, nunca custa tomar precauções e evitar o uso de cosméticos contendo retinol durante a gravidez e a amamentação, a fim de evitar possíveis problemas que possam surgir com o uso deste componente em nossos cosméticos.

Valorização do dinheiro

O mais importante ao incorporar o retinol em sua rotina de beleza é a consistência. Não adianta aplicar grandes quantidades de retinol um dia se você não o fizer novamente. Produtos que contêm uma quantidade menor de retinol terão um preço mais baixo. Produtos com uma quantidade maior de retinol terão um preço mais alto.

Nós recomendamos que você descubra sobre o seu tipo de pele e suas necessidades. Desta forma, você poderá comprar um cosmético com a quantidade certa de retinol.

Você não apenas economizará dinheiro, mas também terá certeza de estar cuidando do seu rosto da maneira que ele precisa.

Resumo

Em suma, o retinol é uma escolha perfeita se você quiser melhorar a textura de sua pele, ajudar na produção de colágeno, reduzir rugas, melhorar a vermelhidão da sua pele ou controlar a acne. Seus benefícios são bastante numerosos se usados corretamente e na quantidade certa.

Se, por outro lado, excedermos a dose, pode produzir efeitos adversos em nossa pele, tais como vermelhidão, descamação ou inchaço. Além disso, há casos em que o uso do retinol não é recomendado. Portanto, quando em dúvida, nós recomendamos que você consulte um especialista para garantir que sua pele esteja sempre radiante

(Fonte da imagem em destaque: fizkes: 132121445/ 123rf.com)

Por que você pode confiar em mim?

Resenhas